Estruturas de controle de bifurcação em Java

Descrição das estruturas de programação, de tipo bifurcação ou tomada de decisões, em Java.

Por Victorino Blanco González


Publicado em: 23/10/06
Valorize este artigo:
Trata-se das mesmas estruturas que podem ser encontradas em qualquer outra linguagem, se você já sabe programar tenha em conta que o único que necessitará aprender será a sintaxe e isso se consegue muito melhor programando, portanto pode passar por alto este ponto.

Bifurcações: Permitem executar código em função de uma expressão avaliada

Bifurcações if:

Têm as seguintes possibilidades em sua sintaxe:

if (ExpressaoBooleana){conjuntoDeSentencas}

if (ExpressaoBooleana) {conjuntoDeSentencas}
else {conjuntoAlternativo}

if (ExpressaoBooleana) {conjuntoDeSentencas}
else if {conjuntoAlternativo}
else if {conjuntoAlternativo2}

Exemplos:

if (i == 5){ System.out.println(" i vale 5 ");}
else {System.out.println("i nao vale 5");}

if (i == 5){ System.out.println(" i vale 5 ");}
else if (i < 5){System.out.println("i eh menor que 5");}
else if (i > 5){System.out.println("i eh maior que 5");}


Bifurcações switch

São as que permitem realizar várias ações diferentes dependendo do estado de uma variável.

Switch (Expressao){
   Case valor1: conjuntoDeSentencas;
       break;
   Case valor2: SentencasAlternativas;
       break;
   Case valor3: SentencasAlternativas2;
       break;
   Case valor4: SentencasAlternativas3;
       break;
}

A sentença 'break' atrás de cada opção de case serve para que não avalie o resto de opções e sim que saia diretamente do 'Switch', por isso, dependendo do que quiser fazer, você colocará ou não.

Exemplos:

switch (i) {
    case '1': System.out.println( "i contem um 1");
    case '2': System.out.println( "i contem um 2");
    case '3': System.out.println( "i contem um 3");
}






Usuários :    login / registro

Manuais relacionados
Categorias relacionadas
O autor

Home | Sobre nós | Copyright | Anuncie | Entrar em contato