O design equilibrado. Os agrupamentos

Como os elementos web devem se agrupar para obter um resultado coerente.

Por Luciano Moreno


Publicado em: 30/10/07
Valorize este artigo:
O ser humano, tanto por seu caráter racional como por herança cultural, tende a organizar os elementos que percebe ao redor como conjuntos significativos organizados. Esta inclinação a agrupar elementos relacionados em um fator que influi de forma notória na percepção que temos de nosso entorno, do que vemos ao nosso redor.

As composições gráficas não escapam a esta tendência, portanto um correto agrupamento de seus elementos lhes outorga um caráter lógico, racional, que aumenta seu valor comunicativo.

O agrupamento de nossos elementos gráficos e textuais pode se basear em diferentes critérios:

  • Proximidade: Tendemos a agrupar aqueles objetos que estão próximos, mais pertos entre si.
  • Semelhança: Tendemos a agrupar os elementos iguais ou parecidos.
  • Continuidade: Nossa mente tende a agrupar aqueles elementos que têm uma continuidade significativa.
  • Simetria: Tendemos a agrupar os elementos para que apareçam ordenados formando figuras conhecidas.


No caso concreto das páginas web, os agrupamentos são muito úteis e totalmente necessários, sobretudo no que diz respeito a elementos similares ou de funcionalidade análoga, como componentes de menus de navegação, ícones, dados relacionados, botões, etc.



Os agrupamentos também são muito úteis em casos de formulários ou fichas de muitos campos, sendo muito conveniente dividir estes em grupos de informação análoga, separando logo cada grupo dos demais mediante franjas horizontais ou verticais em branco.



Com isso, o formulário não só ganha em beleza visual, como também fica mais claro, lógico w fácil de completar pelo usuário.






Usuários :    login / registro

Manuais relacionados
Categorias relacionadas
O autor

Home | Sobre nós | Copyright | Anuncie | Entrar em contato