Funções comuns em CodeIgniter

Uma serie de funções básicas que estão disponíveis em CodeIgniter de maneira global e que não temos que incluir nunca pois não fazem parte de nenhuma biblioteca.

Por Miguel Angel Alvarez - Tradução de Celeste Veiga


Publicado em: 15/10/12
Valorize este artigo:
Existem em CodeIgniter múltiplas bibliotecas de funções que têm código para diversos propósitos. No entanto, há uma serie de funções que devemos ver à parte, porque não pertencem a nenhuma biblioteca e por isso, não encontraremos documentação sobre elas em outros lugares.

Portanto, este artigo vem resolver as lacunas que poderemos encontrar quando queiramos ver para que serve tal e tal função que parece que não estão explicadas em nenhum helper ou em nenhuma biblioteca (das que oferecem classes de programação orientada a objetos).

Estas funções são gerais a toda aplicação CodeIgniter, e é por isso que não temos que incluí-las explicitamente de nenhum modo. Do mesmo modo, por serem gerais, podemos invocá-las desde qualquer pedaço de código de nossos programas, quer sejam visões, controladores ou modelos.

is_php("número_version")

Esta função serve para saber se temos ou não uma versão de PHP no servidor dada por parâmetro. Retorna true se a versão de PHP sobre a que trabalhamos é igual ou superior à que lhe enviemos por parâmetro.

Embora nenhum informático serio recomendaria desenvolver uma aplicação pensando em uma versão de PHP determinada, para conseguir que um projeto possa funcionar em vários tipos de servidores web, teremos que fazer essa pergunta em alguns casos, quando queiramos utilizar funcionalidades de PHP que talvez não estejam disponíveis em todos os servidores.

if (is_php('5.2.3')) {
   echo "Você está usando PHP 5.2.3 ou superior";
}

is_really_writable('Caminho/a/arquivo')

Esta função nos serve para substituir a função nativa de PHP is_writable(), dado que esta última pode em determinadas circunstâncias oferecer uma resposta incorreta, em sistemas operativos Windows. A versão de CodeIgniter desta função que nos diz se podemos ou não escrever em um arquivo funciona sempre bem, dado que realiza o teste tentando escrever realmente no arquivo.

if (is_really_writable('caminho/miarquivo.txt')) {
   echo "Pode ficar tranquilo, pois o arquivo pode ser escrito com certeza";
} else {
   echo "Nao vai conseguir escrever nesse arquivo";
}

config_item('item_key')

Esta função serve para obter a configuração sobre um item simples, dos definidos no arquivo system/application/config/config.php.

echo config_item('charset');
//nos retornaria o jogo de caracteres configurado em nossa aplicação CodeIgniter.

Nota: Para trabalhar com as configurações de CodeIgniter há uma biblioteca chamada "Config Class" que tem muitas outras funções que devemos conhecer.

set_status_header(codigo, 'texto')

Esta função nos serve para enviar códigos de estado no cabeçalho do protocolo HTTP.

set_status_header("401");

Esta função faria com que o acesso a esta página tivesse uma resposta de estado do servidor como a que segue:

HTTP/1.1 401 Unauthorized

Nota: Os cabeçalhos do HTTP enviam ao cliente web um estado da resposta à sua solicitação de acesso a uma URL. Códigos habituais no cabeçalho são, por exemplo:
HTTP/1.1 200 OK (para página encontrada)
HTTP/1.1 500 Internal Server Error (para um erro de script do servidor na geração da página)

No segundo parâmetro de set_status_header() podemos colocar um texto qualquer para que a descrição do código de HTTP seja a que nós indiquemos.

Funções relacionadas com a gestão de erros

Ademais, existe outra serie de funções como show_error(), show_404() ou log_message() que servem para a gestão e administração de erros de aplicação, que veremos mais adiante no capítulo dedicado à gestão de erros em CodeIgniter.






Usuários :    login / registro

Manuais relacionados
Categorias relacionadas
O autor

Home | Sobre nós | Copyright | Anuncie | Entrar em contato