Instalar Zend Debugger para PHP

A extensão de PHP Zend Debugger serve para dar ao nosso servidor capacidades de debugging: fazer debug de aplicações PHP no servidor.

Por Miguel Angel Alvarez - Tradução de JML


Publicado em: 15/7/09
Valorize este artigo:
Um dos passos para prover ao nosso servidor de PHP a possibilidade de fazer debug de aplicações criadas com PHP é instalar o Zend Debugger, uma extensão para PHP que podemos obter de maneira gratuita. Neste artigo veremos passo a passo a receita para conseguir instalar Zend Debugger.

Vamos utilizar o Zend Debugger em conjunto com o IDE para desenvolvimento de aplicações em PHP PDT, que é uma distribuição de Eclipse preparada com todos os módulos para poder programar em PHP. Anteriormente já publicamos um artigo sobre como instalar PDT, que deveremos ler também em algum momento.

Primeiro, vejamos o lugar onde conseguir o Zend Debugger: http://downloads.zend.com/pdt/server-debugger/

Nessa página poderemos ver várias distribuições do programa para debug no servidor de aplicações PHP. Temos que escolher a que seja adequada para nosso sistema operacional.

No meu caso, instalei sobre Windows, em meu servidor para desenvolvimento local. Baixei então a primeira opção ZendDebugger-5.2.14-cygwin_nt-i386.zip. É um arquivo compactado que, se abrirmos, veremos que tem várias pastas, com o debugger para várias versões de PHP distintas. Temos que escolher a que nos corresponda conforme ao servidor PHP que tivermos instalado. Por exemplo, para meu PHP 5.2.6 tenho que utilizar a pasta 5_2_x_comp.

Dentro há um DLL, no caso de Windows, que se tem que copiar e colar no diretório onde estão as extensões de PHP do servidor. Este diretório podemos ver mediante um phpinfo(), que mostra a informação completa sobre a instalação de nosso PHP.

Para fazer este phpinfo(), se não souber, tem que criar um arquivo no diretório de publicação de páginas de seu servidor com o seguinte código:

<?php
phpinfo();
?>


Logo, execute esse arquivo desde seu servidor local. Algo como http://localhost/phpinfo.php

Você verá, entre a informação que contém, algo como isto:


Nota: Para facilitar instalei PHP em meu computador local por meio de Wamp Server, que instala de uma só vez todo o necessário para trabalhar com PHP.

Sendo assim, no passo anterior devemos copiar o arquivo ZendDebugger.dll (no caso de Windows) no diretório de extensões de PHP que tivermos marcado ao ver as características de nosso PHP com phpinfo(). No meu caso, coloquei o arquivo dll no dirtório c:/wamp/bin/php/php5.2.6/ext/

O seguinte passo será colocar no php.ini umas linhas para iniciar o Zend Debugger quando se trabalhe com PHP. Essas linhas de código, podemos vê-las no arquivo baixado do Zend Debugger, no README.TXT.

O arquivo php.ini de nosso PHP também se pode localizar mediante o phpinfo(), onde aparece na seguinte imagem:


De qualquer forma, para que se veja claramente, as linhas que se deve colocar no php.ini, são as seguintes:

[Zend]
zend_extension_ts=[AQUI A ROTA COMPLETA A DLL]
zend_debugger.allow_hosts=[AQUI AS IPS ONDE DESEJAMOS PERMITIR O DEBUG]
zend_debugger.expose_remotely=always


As linhas de configuração podemos colocar em qualquer lugar do arquivo php.ini, por exemplo abaixo de tudo. Você deve personalizá-las para seu caso e ficaria algo como isto:

[Zend]
zend_extension_ts=c:/wamp/bin/php/php5.2.6/ext/ZendDebugger.dll
zend_debugger.allow_hosts=127.0.0.1, 192.168.0.136
zend_debugger.expose_remotely=always


Como se pode ver, coloquei a rota completa à biblioteca do Zend Debugger e logo uma lista de Ips desde a qual permitimos as conexões para debug. A IP 127.0.0.1 é o endereço IP de localhost, que sempre é essa para todos as máquinas. É para dizer que permita debug desde o próprio servidor onde temos PHP. E logo, para me certificar que funciona, coloquei 192.168.0.136 que é o IP de meu computador em minha rede local, onde tenho o servidor PHP.

Logo, temos que fazer, segundo o README.TXT, outro passo, que é colocar o arquivo dummy.php, que vem no arquivo compactado que baixamos antes, na pasta raiz de publicação do servidor web. Este passo eu pulei e ainda assim me funcionou.

No PHP.ini nos recomendam, segundo uma documentação que li de PDT, alterar um par de configurações. Estas as comento caso sejam de utilidade ou necessárias para nossos casos, porém também pulei essa parte e pude fazer o debug PHP com PDT sem problemas.

implicit_flush = On
output_buffering = 0


Uma vez realizado estes passos, devemos reiniciar o servidor PHP, ou seja, reiniciar Apache ou o que tivermos como servidor, para que as mudanças realizadas no php.ini se coloquem em andamento.

Depois de reiniciar o servidor devemos fobservar que o Zend Debugger está funcionando, que podemos vê-lo no phpinfo(). Deve aparecer um texto como este:


Se não aparece esse texto, é que não está funcionando o Zend Debugger, por isso algo devemos ter feito mal na instalação. Revise os distintos passos, observando bem no diretório onde colocou a extensão de Zend Debugger (a ZendDebugger.dll no caso de Windows) e a rota da extensão escrita no php.ini.





Comentários do artigo
Foram enviados 8 comentários ao artigo
8 comentários não revisados
0 comentários revisados

Usuários :    login / registro

Manuais relacionados
Categorias relacionadas
O autor

Home | Sobre nós | Copyright | Anuncie | Entrar em contato